Miguel Torga, o Solstício de Inverno, e o Natal

* Antologia — Myriam de Carvalho @ 12:48 am

.

Este poema de Miguel Torga – um belo poema, como todos os poemas deste Poeta que tanto admiro.

Um poema que celebra o Solstício de Inverno, que o Cristianismo converteu em celebração do nascimento de Jesus Cristo.

Por mim, sou fiel à celebração pagã, mais autêntica, fiel aos ciclos, ou ritmos, da Natureza.

.

Solstício de Inverno

.

Aqui estou de novo a festejá-lo

À fogueira dos meus antepassados

Das cavernas.

Neva-me na lembrança.

E sonho a primavera

Florida nos sentidos.

Consciente da fera

Que esses tempos idos

Também era.

Imagino um segundo nascimento

Sobrenatural

Da minha humanidade.

Na humildade

Dum presépio ideal,

Emblematizo essa virtualidade.

E chamo-lhe Natal.

.

.

Só não sei a que obra pertence… Procuro na NET, mas embora o encontre reproduzido em diferentes páginas, em nenhuma o vi identificado…

Programa de Luís Caetano, na noite de 26 de Dezembro de 2018, na Antena 2

.

Publicado por Myriam Jubilot de Carvalho

Noite de de 26 para 27 de Dezembro de 2018, pelas 00h 47m

.

.

0 Comments »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a comment

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0 Unported License.
(c) 2022 Por Ondas do Mar de Vigo | powered by WordPress with Barecity