Prestes João

* Poesia — Myriam de Carvalho @ 11:16 pm

.

Passando os olhos por velhos papéis,

encontrei este poema de que gosto muito:

.

Prestes João

.

A minha canoa

é uma nau

à toa

(grande nau grande

tormenta

– dizem as velhas daninhas)

.

Já percorreu céus

e mares

em demandas e

altares

e, de candeia na mão

– Vistes o Prestes João?

.

E o Prestes João

estava

em Lisboa

.

.

.

Myriam Jubilot de Carvalho,

Poema de 1986

Inédito

***

Link para o mapa:

http://3.bp.blogspot.com/-dlAahLVAXzA/TcFJ5siRkAI/AAAAAAAAADE/3vYWyiDaP3E/s320/africa_mapa%255B1%255D.jpg

.

Publicado por Myriam Jubilot de Carvalho

Dia 3 de Outubro de 2013, pelas 23h 50m

.

.

 

0 Comments »

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a comment

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0 Unported License.
(c) 2019 Por Ondas do Mar de Vigo | powered by WordPress with Barecity